quinta-feira, 7 de junho de 2007




Álbum inédito conta história dos índios brasileiros

(Fonte: Blog dos Quadrinhos)
Uma história em quadrinhos inédita conta a trajetória dos índios brasileiros antes, durante e depois do descobrimento. O álbum está quase pronto para ser publicado e é negociado com quatro editoras.
O álbum conta a história de pelo menos 12 tribos. Nesta e nas próximas duas postagens, há imagens dos kayapó, dos xavante e dos kreen-akarore. As imagens são mostradas em primeira mão pelo Blog dos Quadrinhos.
A trajetória cronológica dos índios foi narrada por Sergio Macedo, desenhista brasileiro mais conhecido no exterior do que por aqui. Ele morou dois meses no Parque Nacional do Xingu, em Mato Grosso.
A experiência foi no início de 1987. O álbum também começou a ser produzido nessa época.
"Desde criança, minha paixão eram os índios", diz o desenhista. "Meus pais diziam que eu era adotado por índios. Eu adorava."
A realização do sonho de criança rendeu muitas histórias. Uma delas já inspirou um álbum em quadrinhos, "Xingu!", lançado na França em 1989. A obra tem o cacique Raoni como um dos personagens.
Sua fonte de informação eram as histórias de vida ouvidas nas diferentes aldeias. Os relatos passam de geração para geração, de tribo para tribo.
"Os índios se intervisitam", diz. "As tribos se comunicam muito. Aprendi com os diálogos entre um índio e outro."
O álbum inédito, segundo ele, vai reunir todos esses relatos, tribo por tribo.

6 comentários:

Jôka P. disse...

Angela,
desde hoje cêdo, só consigo visualizar o meu blog usando o navegador Firefox. Com o IExplorer não abrem os posts.
O que será que está acontecendo ?
Será que isso é definitivo ?
HELP !!!!

Angela Ursa disse...

Jôka, me desculpe porque só li sua mensagem agora de madrugada, quase 2hs da manhã. Fui no seu blog e consegui visualizar os tópicos pelo Internet Explorer e pelo Firefox. Aqui tenho os dois navegadores. Espero que você consiga descobrir o problema. Depois dê notícias. Beijos da Ursa!

Hanah disse...

Muito boa a iniciativa, passei também a minha infância vendo os índios que o Villas-Boas trazia do Xingu...
Só não posso falar se foi tudo mal, de qualquer maneira o homem como explorador que sempre foi, iria chegar lá como ele chegou...
Morava em frente á antiga sede da Funai em SP .
Me lembro de indios muito doentes que ele trazia para tratamento... eu sempre brincava com as crianças...


de qualquer forma....

passei aqui para deixar-lhes um convite pelas águas do Rio Xingu

Barqueada Virtual

http://www.yikatuxingu.org.br/home


Abraços e boa semana

****Hanah

Angela Ursa disse...

Hanah, obrigada pela divulgação da petição em defesa do Xingu. Beijos da Ursa :))

Janaina Staciarini disse...

Nossa que bacana... um álbum que vale a pena.

Maria Clarinda disse...

Como eu gostaria de poder chegar a esses livros!!
Se souberes como, diz-me.Jhs mil.