domingo, 28 de agosto de 2005


Sons da Amazônia - Um alerta e pedido de socorro
"A música é contínua no interior da floresta amazônica. De noite ou de dia, milhares de insetos, bichos e pássaros entoam uma estranha, porém harmoniosa, melodia. Cacarejos, pios, zunidos, grunhidos e gritos enchem o ar saturado de umidade. Moscas zumbem como corrente elétrica, pássaros gritam como fadas agourentas e macacos uivam como o vento. Na maior parte das vezes não se pode identificar de onde veio o ruído. Mas o som está sempre ali, escondido por detrás da densa folhagem deste misterioso lugar, assustador mas maravilhoso. Feche os olhos e escute, e você saberá que está na floresta amazônica. Os sons da floresta estão, todavia, em perigo de serem silenciados para sempre. A floresta está morrendo, à medida em que milhares de acres são, a cada dia, cortados e queimados, para abrir caminho a fazendas e a atividades minerais. Este desflorestamento está causando mudanças irreversíveis no clima local e global, e levando as espécies já ameaçadas à extinção. Este é o momento de ver a floresta, antes que ela acabe. E de ouvi-la." (Kevin Davis)

6 comentários:

Palpiteira disse...

Uma tragédia, né? O homem não consegue se aproximar da natureza sem fazer estrago.
Beijos. Bom domingo.

Angela Ursa disse...

Amiga palpiteira Cláudia, infelizmente, isso é verdade. Vamos torcer para que se consiga preservar a parte que ainda resta da nossa natureza. Beijos

Jôka P. disse...

Adoro encontrar a Dona Palpiteira aqui na sua floresta, índia !
Ela é uma querida, e apesar de meio granfina, troca os escarpins Charles Jourdan por tenis Nike, e vem valentemente ao safari ecológico...
É o que chamo de festa chique na floresta !
OBA !
:)
JÔKA P.

nanbiquara disse...

E o silêncio numa floresta é aterrador, dá medo!
É um sinal claro de perigo.
Beijos, :).

Angela Ursa disse...

Amigo Jôka, a palpiteira Cláudia promove grandes excursões para lugares muito bonitos no blog dela. A Ursa participa de várias! :))

nanbiquara, minha consultora indígena, obrigada pelo comentário sobre o silêncio na floresta. Beijo! :))

Jôka P. disse...

Beijos para vocês, amigas !
:)
JÔKA P.