quinta-feira, 1 de setembro de 2005


Lenda das Cataratas do Iguaçu (Fonte)
A lenda das Cataratas diz que os índios caigangues, que habitavam às margens do rio Iguaçu acreditavam que o mundo era governado por Mboi, um deus que tinha a forma de uma serpente e era filho de Tupã. O cacique desta tribo chamado Igobi, tinha uma filha, Naipi, tão bonita que as águas do rio paravam quando a jovem nelas se mirava. Devido a sua beleza, Naipi seria consagrada ao deus Mboi passando a viver somente para seu culto. Havia porém, entre os caigangues um jovem guerreiro chamado Tarobá, que ao ver Naipi por ela se apaixonara. No dia em que foi anunciada a festa de consagração da bela índia, enquanto o cacique e o pajé bebiam "cauim" (bebida de milho fermentado) e os guerreiros dançavam, Tarobá fugiu com a linda Naipi numa canoa que seguiu rio abaixo, arrastada pela correnteza. Quando Mboi soube da fuga de Naipi e Tarobá, ficou furioso. Penetrou então nas entranhas da terra retorcendo seu corpo, produziu na mesma, uma enorme fenda que formou uma catarata gigantesca. Envolvidos pelas águas dessa imensa cachoeira, a piroga e os fugitivos caíram de grande altura, desaparecendo para sempre. Diz a lenda que Naipi foi transformada em uma das rochas centrais das Cataratas, perpetuamente fustigada pelas águas revoltas e, Tarobá foi convertido em uma palmeira situada à beira do abismo e inclinada sobre a garganta do rio. Debaixo dessa palmeira acha-se a entrada de uma gruta onde o monstro vingativo vigia eternamente as duas vítimas.

7 comentários:

Palpiteira disse...

Gosto de conhecer essas lendas... Quanta cultura num blog só, meu deus! Parabéns, viu? Vc é o que há.
Beijo.

Angela Ursa disse...

Amiga palpiteira, muito obrigada pelos elogios! Assim, a Ursa vai ficar mais estufada do que é de orgulho (risos). Beijos!

Angela Ursa disse...

Esqueci de avisar que essa lenda das cataratas eu encontrei procurando informações sobre os índios caigangues do Paraná para a amiga Diana do Tarde de Chuva. :))

Jôka P. disse...

Adorei a lenda e a foto,
mas mais ainda a corrida da TORA !!!
TORA ! TORA ! TORA !
:)
bjs cariocas !!!
JÔKA P.

Diana disse...

Ô D. Ursa.....
To sensivel hoje....me emocionei...
Só uma palavra....
Obrigada....
Bjs....

Angela Ursa disse...

Jôka, vou inscrever você na próxima corrida de tora, ok? ;)) Beijos!

Amiga Diana, a Ursa gosta muito de pessoas sensíveis como você. Beijos!

Promessas de amor disse...

Lindaaaa ameiiiii
Gostei muito da lenda!!!!