terça-feira, 18 de outubro de 2005




Rio Nhundiaquara, no Paraná
(pesquisa feita pela amiga Diana do blog Tarde de Chuva!! )
Seu nome tem origem tupi-guarani: "nhundi" quer dizer peixe, e "quara", buraco. Serviu como primeira via natural de penetração, ligando o litoral ao planalto. Era denominado "Cubatão" e considerado um dos mais auríferos da região, contribuindo economicamente para o desenvolvimento da mesma. Uma das mais belas e típicas paisagens morreteanas é a do rio cortando a cidade formando um conjunto com as árvores e edificações existentes em suas margens. É navegável em aproximadamente 12 Km, e permite a prática de esportes como canoagem, bóia-cross e pescarias.

14 comentários:

Diacui disse...

Amei sua floresta, Ursa!
Amei a Galeria do Jôka também!
Talentoso o menino, rsrsrs...
Parabéns!
Virei sempre!
Beijos!

Angela Ursa disse...

Seja bem-vinda, diacui! O Jôka é um super artista. Faça também uma visita ao blog dele Av. Copacabana, ok? O link está na lista daqui. Beijo!

Taia disse...

Oi Dona Ursa, Diana contribuindo para a beleza da sua Floresta. que bacana. Eu não conhecia esse rio não. Mais um ponto para vocês. Um beijo grande.

nanbiquara disse...

Que bonito o rio, o nome do rio também, um rio cheio de peixes, um buraco de peixe!
Que os ribeirinhos o conservem assim, amém!
Um dia lindo para você, Angela, beijos, :).

Janaina Staciarini disse...

Tá secando tudo, Angela... que a gente faz com o homem que não toma consciência de seus atos?

Diana disse...

Bom dia.....

D. Ursa....qt gentileza mostrar um pouquinho do meu Parana...
Esse rio é lindo....é um espelho....e eu...já desci de bóia...rsss....delicia....cheguei meio ralada lá em baixo.....
Obrigada minha amiga......
Bjs....

Saramar disse...

Angela Ursa, bom dia.

Que lindo rio e o nome é puro encantamento. Aliás, esses nomes indígenas são sempre poesia.

Humm..nesse calor de matar, aqui em Goiânia, bateu-me uma saudade desse rio que não conheço.

Obrigada
Beijos

Lia Noronha disse...

Ursa: olhando essa fotografia do rio,me deu uma enorme vontade de praticar bóia-cross...ou mesmo ficar contemplando bem de perto esse raro presente da mãe natureza!
Boa terça-feira e abraços com a força de um rio.

Angela Ursa disse...

Amigas Renata, nanbiquara, Janaína, Diana, Saramar e Lia, com esse calorão, dá vontade mesmo de entrar nesse rio e ficar de molho um tempão! ;) Beijos para todas vocês!

Palpiteira disse...

Oi, dona Ursa! Chovou muito por aí? Aqui, chuva o dia todo.
Beijo.

palpiteira disse...

chovou? hehehe... choveu é melhor.

Jôka P. disse...

A Dona URSA já navegou por esse riozão ?
Dona Ursa é adepta de esportes aquáticos ?
Eu só ando de pedalinho, na Lagoa Rodrigo de Freitas...
E na praia de Copacabana, uso bóia de patinho !
Quá !
Quá !
;)
BJÔKAs

Angela Ursa disse...

Amiga Palpiteira, aqui caiu um temporal no final da tarde que durou um bom tempo. Agora, já parou.

Jôka, como toda Ursa de peso, quando entro na água afundo ;)) Eu não sei nadar, apenas boiar, acredita? E em Copacabana já tomei muito banho de baldinho na beira do mar. Também adoro pedalinhos! Na minha infância, eu gostava muito de passear nos pedalinhos da Ilha de Paquetá. Beijos da Ursa para o patinho ;))

Lia Noronha disse...

Ursa: imaginei agora a cena do Jôka numa bóia de patinho...é pra morrer de rir!!!
Beijos e boa tarde .