terça-feira, 13 de dezembro de 2005

Em bandos, os animais invadem plantações e cruzam com porcos, gerando filhotes conhecidos como "javaporcos" (Trecho de matéria da Folha On line)

Interior inicia combate à "invasão" de javalis
DA REPORTAGEM LOCAL
Autodenominada "capital mundial da laranja", a pequena cidade de Itápolis, a 359 km de São Paulo, deu início à luta contra uma "praga" que está afetando a economia local. O problema que preocupa a população - e outros municípios do interior paulista como Bauru, Ribeirão Preto, Barretos, São José do Rio Preto e Araçatuba - é o crescimento descontrolado de javalis. Em bandos, eles invadem as plantações, destroem cercas e cruzam com porcos domésticos, o que gera filhotes conhecidos como "javaporcos". A situação levou o Ibama a elaborar um projeto piloto de combate ao javali, o que incluiu o abate desses animais com armas de fogo e ajuda de cães. No mês de outubro, foi feita a primeira incursão nesse sentido, com o auxílio de alguns caçadores do Rio Grande do Sul."É uma forma polêmica, mas estamos quase convencidos de que essa seria a única forma de controlar a população de javalis", afirma o biólogo Joaquim Maia Neto, de 33 anos, chefe do escritório regional de Barretos.
Caça
A medida toca num ponto delicado, já que a caça de qualquer animal é proibida pela constituição do Estado de São Paulo. O combate ao javali, autorizado pelo Ministério Público Estadual por meio de um termo deliberativo e, por enquanto, válido apenas para Itápolis, tem como base uma lei federal que permite o controle de espécies exóticas. O javali chegou ao país por duas vias. Parte foi trazida por criadores nos anos 90, quando a carne do animal ganhou, no país, status de produto sofisticado. (Amarílis Lage)

4 comentários:

Jôka P. disse...

Eu quando morava na França, já comi javali.
"SANGLIER" eles dizem.
Carne de caça.
Não me lembro mais do gosto.
Parece que se passaram trocentos anos.

Angela Ursa disse...

Jôka, eu nunca comi carne de javali. Para criar deve ser complicado porque eles são muito brabos! :)) Beijos!

Márcia(clarinha) disse...

minha querida!!
javaporcos??
não como essas carnes,sou ruim de boca,rs,mas meu marido come todas as carnes de caça e as adora..
lindo dia minha querida!!!!!!
beijossssssss

Margaret Dal-Ri disse...

Ângela
Era só o que faltava "javatis" e "javaporcos".Deus o livre!